domingo, fevereiro 25, 2007

América Vence Clássico - Rei por 2 x 0

Num jogo equilibrado, com direito a expulsão e bolas na trave, o América fez valer seu melhor plantel e acabou levando a melhor no primeiro Clássico-Rei do ano, que de forma inédita foi disputado no estádio Leonardo Nogueira, em Mossoró. Com um gol de Souza cobrando pênalti e outro de Paulo Isidoro, os americanos venceram por 2 a 0 e dispararam de vez na liderança do campeonato, agora com 18 pontos, sete a mais que o segundo colocado, o próprio ABC, que tem 11 e neste domingo, caso o São Gonçalo vença o Guamaré, pode cair para a terceira colocação na tabela.

Como era de se esperar, o jogo começou equilibrado, com um ligeiro predomínio americano nos primeiros momentos. Puxados pelo trio Luciano Santos, Paulo Isidoro e Rodrigo Paulista, o alvirrubro rondava o gol de França com Perigo, tanto que aos 15 minutos Rodrigo Paulista acertou uma cabeçada na trave.

Depois daí, o ABC, que começou o jogo com Nêgo e Marciano nas laterais, Valbson no meio-campo e Bebeto no lugar de Adelino no ataque, equilibrou as ações e criou boas chances. Primeiro com Wallyson, que cruzou da direita mas ninguém aproveitou e outra com Valbson, que acertou um petardo de fora da área obrigando Gustavo a fazer grande defesa.

No entanto, apesar da subida de produção alvinegra, foi o América que acabou chegando ao gol aos 40 minutos. Marcinho fez boa jogada pela esquerda e rolou para Souza, o craque foi derrubado na área, e o árbitro Sálvio Spinola marcou pênalti, que ele mesmo cobrou e abriu o placar.

Sem se abater, o ABC seguiu buscando o empate e quase chegou lá no fim da etapa inicial, aos 43 minutos. Depois de um cruzamento da direita, a zaga rubra bateu cabeça e quase Bebeto aproveita para empatar. Depois do lance, o zagueiro Robson e o goleiro Gustavo discutiram asperamente, sendo necessário a turma do deixa disso entrar em ação para apaziguar os ânimos.

Em desvantagem no placar, o técnico Roberval Davino voltou para o segundo tempo com o atacante Adelino no lugar do meia Valbson. Com isso, Bebeto passou a atuar mais recuado, fazendo a função de quarto homem de meio-campo. E foi justamente com ele que o ABC teve a chance de empatar aos 11 minutos, quando num potente chute a bola do canhotinho chegou a resvalar na trave americana.

O lance acordou o América, que parecia sonolento até então, e a resposta vermelha veio na mesma moeda, com o perigoso atacante Rodrigo Paulista. Ele recebeu cruzamento da direita e desviou com categoria, a bola cobriu França e bateu caprichosamente na trave. O jogo seguiu equilibrado e eletrizante. Aos 16, Marciano fez boa jogada e bateu forte, a bola passou rente ao poste esquerdo de Gustavo, que já estava batido.

Aos 34 minutos, aproveitando-se do desespero alvinegro, que lançou-se desordenadamente ao ataque, o América trabalhou a bola com tranquilidade até que ela chegasse aos pés do lateral Lisa, que havia acabado de entrar. Ele cruzou na medida para o atacante Paulo Isidoro marcar com categoria o segundo gol alvirrubro, jogando um banho de água fria nas pretensões abecedistas.

Depois daí, o América usou de sua maior categoria para tocar a bola e administrar o placar para garantir a vitória sobre o maior rival ABC, que ainda teve uma chance de diminuir com Adelino, aos 40 minutos, mas o atacante livre na área cabeceou no travessão de Gustavo. Esta foi a primeira vitória americana depois de três anos sem vencer os alvinegros.

O Próximo do jogo do América na competição agora será contra o São Gonçalo, no sábado que vem. Já o pressionado ABC enfrenta o Guamaré, no domingo. Os dois jogos serão no Frasqueirão, em Natal.

FONTE : DN On-line

2 comentários:

Anderson de Almeida disse...

auhauhauhauhuahua..
Chiqueirão...começou o seu retorno pra segunda divisão do campeonato estadual!!
aauhauhauhauhauauh
MECÃO ÊÔO.....MECÃO ÊÔO.....MECÃO ÊÔO.....MECÃO ÊÔO.....MECÃO ÊÔO.....MECÃO ÊÔO.....MECÃO ÊÔO.....MECÃO ÊÔO.....

Chora ABC..CHORA!!!!

Vinicius Menna disse...

Eu soube que o jogo não foi dos melhores... os dois times não jogaram bem e tal. Não sei se é verdade, mas foi o que me falaram.

De qualquer forma... eu sou América e gostei muito do resultado! Hehehehehehe!

Dá-lhe Mecão!!!!!